O que levar em conta ao escolher um studio??

Para que você não se decepcione e escolha um profissional que esteja bem qualificado para melhor te atender, listamos algumas dicas para que você encontre o melhor instrutor, academia ou estúdio de Pilates para o seu exercício.

1- Verifique o currículo e formação do seu instrutor/professor de Pilates

Certificações internacionais, tais como Stott Pilates ou PMA são recomendadas. Um professor que está constantemente se atualizando e fazendo cursos também é muito necessário, uma vez que nesse ramo há sempre atualizações acontecendo.

2- Escolha centros de referência

Centros de referência, ou seja, lugares que fornecem cursos de formação de instrutores, são normalmente mais caros mas também, mais confiáveis.

3- Faça uma aula experimental

Faça uma aula, conversando com seu instrutor sobre seus objetivos com o Pilates e veja se ele ou ela atenderam todas as suas necessidades, se você foi bem tratado, como você se sentiu com a aula em grupo. Tudo isso deve influenciar sua decisão final. É a hora também de analisar se ele é atencioso com os alunos ou fica disperso muitas vezes durante o horário do exercício.

4- Educador Físico x Fisioterapeuta

Essa informação é deixada de lado por muitos, mas não deveria. Cada um destes profissionais tem uma formação mais específica. Por um lado, o educador físico normalmente tem um foco maior em ganho de força e estética. Por outro, o fisioterapeuta tem um foco em ganho de resistência e o trabalho de problemas posturais. Isto não impede que eles façam uma mistura das formações, mas é bom ter essa visão para que você tenha uma ideia do que pode te esperar.

Para tirar o máximo de proveito do Pilates, não basta apenas ir para qualquer academia ou praticar com qualquer instrutor. Tem que escolher o lugar certo e o profissional ideal!

 

FONTE: http://www.belezamasculina.com.br/pilates-que-levar-conta-escolher-clinica-academia/